Primeiro carro elétrico da Lotus será apresentado no dia 16 de junho

Bruna Lima, editado por Rui Maciel
Lotus (Foto: reprodução)
Compartilhe com seus seguidores

O Type 130 será fabricando em edição limitada: apenas 130 exemplares

Em abril, a Lotus anunciou ao mundo que lançaria um hipercarro elétrico até o final do ano. Agora, a novidade da lendária fabricante de carros esportivos deve ser exibida em "um evento exclusivo", no centro de Londres, no próximo dia 16 de julho. 

Até o momento, pouco se sabe sobre o carro, a não ser o seu nome: Type 130. A Lotus ainda não forneceu nenhuma especificação, mas informou que o veículo seria construído em sua sede, na cidade de Norfolk, na Inglaterra. A montadora afirma que "várias centenas" de pessoas apareceram após o anúncio inicial em Xangai para expressar seu interesse no carro, o que significa que haverá muitos corações partidos por aí - a Lotus está limitando o Type 130 a apenas 130 exemplares.

Além da imagem de teaser que publicou essa semana, a Lotus também lançou um pequeno vídeo, nos dando algumas dicas sobre o que esperar. Ao contrário da maioria dos EVs, parece que as portas de carregamento estão localizadas entre as lanternas traseiras e o emblema da marca também se acende.

Outros detalhes interessantes incluem um sistema de visão traseira da câmera, que usará pods destacáveis, que saem das portas de abertura e que transmitem imagens para os displays dentro do carro. É um sistema muito parecido com o que o próximo McLaren Speedtail terá. 

Confira o vídeo com as poucas pistas sobre o bólido:

 

Via: CNet

Carro elétrico Lotus
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.