Rappi vai vender BMW por aplicativo

Henrique Freitas, editado por Daniel Junqueira
BMW (iStock)
Compartilhe com seus seguidores

Clientes que comprarem o carro pelo app terão um bônus de R$ 2 mil para gastar no que quiserem

A BMW do Brasil confirmou, nesta quinta-feira (25/07), o lançamento da linha BMW 320i no país. O que chama a atenção, porém, é a campanha de pré-lançamento do modelo, que conta com uma ação em parceria com a Rappi. O cliente que utilizar o aplicativo para fazer a pré-reserva do carro, no valor de R$ 1 mil, receberá um crédito de R$ 2 mil para gastar em produtos e serviços disponíveis na plataforma.


Para a pré-venda inédita no app, a Rappi disponibilizará um botão especial da BMW. Por ele, os usuários poderão fazer a pré-reserva do modelo que desejam mediante um pagamento de R$ 1 mil. É possível também reservar o veículo direto na concessionária e participar da ação efetuando o pagamento via RappiPay, função de pagamento do aplicativo.

O bônus de R$ 2 mil será ativado assim que o carro chegar na concessionária. Ele será válido apenas para os clientes que fizerem a pré-reserva via Rappi e, por fim, efetivarem a compra do BMW 320i. O dinheiro poderá ser aproveitado na Rappi ou na própria concessionária, via RappiPay. 

O novo sedan da BMW está disponível em três versões na rede de concessionárias autorizadas da marca no Brasil, com preços promocionais para a pré-venda. São eles o 320i Sport (de R$ 195.950 por R$ 187.950), 320i Sport GP (de R$ 204.950 por R$ 199.950) e 320i M Sport (de R$ 219.950 por R$ 217.950).

carro bmw vendas rappi app
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.