Chrome e Firefox vão retirar ícone de segurança da barra de endereços

Certificado de Validação Estendida (Reprodução)
Compartilhe com seus seguidores

Indicador de Certificado EV serve para mostrar se um site é seguro, mas segundo os desenvolvedores ocupa espaço e não oferece proteção real ao usuário.

Os navegadores Chrome e Firefox optaram por esconder o Certificado de Validação Estendida (Certificado EV) dos websites na barra de endereços. A alteração passa a valer com o Chrome 77, que mostrará os detalhes do EV na caixa de diálogo ?Informações da página?, e com o Firefox 70, que deve exibi-lo no painel de identidade.


Os Certificados de EV são usados para proteger os usuários de endereços suspeitos. Essa tecnologia valida a identidade de um site e criptografa as comunicações entre o usuário e o servidor. Os endereços protegidos por EV possuíam dicas visuais, como a identidade legal verificada e uma sombra verde como dica adicional (banida na última atualização do Chrome).

?Por meio de nossa própria pesquisa e de pesquisas acadêmicas, a equipe do Chrome Security UX [experiência do usuário] determinou que o EV não protege os clientes como pretendido?, documentou o Google. A companhia também explicou que uma das razões para a mudança é o fato do indicador EV utilizar um espaço significativo da barra de endereços.

O engenheiro do Firefox, Johann Hofmann, deu uma declaração semelhante: ?A eficácia do indicador EV tem sido questionada inúmeras vezes nos últimos anos, há sérias dúvidas se os usuários notam a ausência de indicadores de segurança positivos?. Além disso, segundo Hofmann, testes realizados pela companhia provam que a medida de segurança não era tão efetiva contra phishing (modo com que os cibercriminosos descobrem informações pessoais)?.

O Chrome 77 estará disponível a partir do dia 10 de setembro e o Firefox 70, no dia 22 de outubro. O site Techdows apresentou fotos explicativas de como é a proteção do EV com o Chrome 76 e como será com o Chrome 77.

O portal também mostrou que os usuários poderão identificar a segurança da conexão clicando no cadeado.  

Fonte: Techdows e Computerworld

Sites Segurança Google URL Chrome Firefox Mozilla cibersegurança cybersegurança
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.