Governo propõe redução de IPI sobre consoles de videogames para 40%

Jogadores de e-sports (iStock)
Compartilhe com seus seguidores

Com a medida, Ministério da Economia diz que governo deixará de arrecadar R$ 50 milhões até 2021

Esta semana, o presidente Jair Bolsonaro usou o Twitter para anunciar promessas sobre a redução de impostos para jogos eletrônicos. Segundo a agência Reuters, que teve acesso hoje (sexta-feira) a um rascunho do decreto, está prevista uma redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) cobrado para consoles de videogames de 50% para 40%.


O documento descreve também que, para "partes e acessórios dos consoles sem tela incorporada", o IPI deve cair de 40% para 32%. O imposto de "game cards e máquinas de videogames com tela incorporada" vai baixar de 20% para 16%.

Para entrar em vigor, agora basta que Bolsonaro assine o decreto. O Ministério da Economia acredita que a redução tributária vai estimular o segmento de jogos eletrônicos no país - "ramo do setor de entretenimento que mais cresce no mundo". Por outro lado, a diminuição da cobrança do imposto deve significar uma perda de mais de R$ 50 milhões para os cofres públicos até 2021.

De acordo com a minuta do decreto ao qual a Reuters teve acesso, "estima-se que o impacto na arrecadação com a medida ora proposta será de R$ 1,94 milhão por mês de redução das alíquotas, para o ano de 2019, de R$ 23,8 milhões, para o ano de 2020, e de R$ 23,94 milhões, para 2021".

Fonte: Reuters

Games Brasil impostos videogames Bolsonaro
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.