Blue Origin aciona motor que deve levar espaçonave à Lua

Blue Moon (Divulgação)
Compartilhe com seus seguidores

Foi um dos primeiros passos para a companhia; agora, falta 'apenas' construir a própria espaçonave

A companhia aeroespacial Blue Origin ativou o motor que estava desenvolvendo para seu futuro módulo de aterrissagem lunar. Chamado de BE-7, ele permaneceu em funcionamento por 35 segundos durante um teste feito na Mashall Space Flight Center, na NASA. Essa foi uma ótima maneira da companhia se preparar para construir a nave espacial, chamada Blue Moon, para depois lançá-la à Lua.


O fundador da Blue Origin, Jeff Bezos (e também co-fundador da Amazon), usou o Twitter para postar um vídeo na noite passada. A gravação mostra uma chama horizontal partindo do motor: a princípio, ela é brilhante e verde, depois torna-se clara e continua assim até o final do teste.  

 

A novidade chegou apenas um mês depois de Bezos revelar que a companhia está há três anos desenvolvendo a espaçonave Blue Moon e seu motor. O BE-7 ajudará na aterrissagem da mesma na superfície da Lua.

Segundo Bezos, a tecnologia pode carregar robôs e até mesmo uma outra espaçonave com pessoas para ajudar a retirar os astronautas da Lua em caso de emergência. E já que o BE-7 usa oxigênio líquido e hidrogênio, ele pode ser alimentado por água extraída da superfície lunar.  

Durante a apresentação do BE-7, Bezos deixou claro que empresa está muito interessada em usar o módulo de aterrissagem para ajudar a NASA com seus planos de enviar pessoas à superfície da Lua. Inclusive, essa oportunidade pode acontecer muito em breve. Neste verão, a agência espacial norte-americana entrará em contato com projetistas de espaçonaves e escolherá uma ou duas empresas para desenvolvê-las a partir do final do ano. 

Nasa Terra espaço Lua
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.