Cientistas criam micro robô com impressora 3D

Luiza Tozzato, editado por Cesar Schaeffer
Mini robô (Divulgação)
Compartilhe com seus seguidores

Com apenas 2 milímetros, ele estão sendo aperfeiçoados para ajudar o meio ambiente e reparar lesões do corpo humano

A Georgia Tech criou micro robôs, que quando trabalham em conjunto, desempenham funções de larga escala. Produzidos em uma impressora 3D, os micro robôs possuem cerca de dois milímetros, mas podem percorrer quatro vezes seu comprimento em apenas um segundo.


Como não existe bateria pequena o suficiente para alimentar esses robozinhos, eles recebem energia de uma fonte externa.  

O projeto, chamado micro-bristle-bot, utiliza um atuador piezoelétrico que gera diferentes frequências vibracionais dependendo da configuração. Para conseguir controlar cada robô, os cientistas precisam apenas alterar a frequência de cada um individualmente. 

Agora os cientistas trabalham no aperfeiçoamento da criação, que segundo eles, será capaz de trabalhar em tarefas críticas como detectar mudanças ambientais e até reparar lesões dentro do corpo humano.

Fonte: SlashGear

Robótica Tecnologia Robôs
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.