Covid-19: Apple vai doar 10 milhões de máscaras faciais aos EUA

Tim Cook (Stephen Lam/Reuters)
Compartilhe com seus seguidores

Tim Cook anunciou em seu Twitter a doação para a comunidade médica americana; Europa também será beneficiada

Por meio de um vídeo em seu Twitter, o CEO da Apple, Tim Cook, anunciou na quarta-feira (25) que a empresa adquiriu e doará 10 milhões de máscaras do tipo N95 aos EUA, além de outras milhões para a Europa, enquanto o mundo luta contra a pandemia de Covid-19. Na semana passada, a companhia divulgou que doaria 2 milhões de acessórios.


O número representa um aumento de 1 milhão de máscaras naquele país, um dia após o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, anunciar em uma conferência de imprensa que a Apple doaria mais de 9 milhões de máscaras. 

"A Apple buscou, adquiriu e está doando 10 milhões de máscaras para a comunidade médica dos Estados Unidos", diz Cook no vídeo. "Essas pessoas merecem nossa dívida de gratidão por todo o trabalho que estão fazendo nas linhas de frente", acrescenta.

Com o feito, a Apple se junta a outras empresas de tecnologia na doação de máscaras, em meio a uma escassez nacional, já que a Covid-19 tem um custo crescente para a população dos EUA. Máscaras adicionais também serão produzidas em instalações desativadas de outras companhias, como a Ford.

Apple Tim Cook estados unidos máscaras covid19
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.