Procon fiscaliza e autua loja oficial da Xiaomi em São Paulo

Rui Maciel
Fachada loja Xiaomi (Olhar Digital)
Compartilhe com seus seguidores

A ação ocorreu em razão da notícia de que diversos produtos da marca traziam supostas irregularidades quanto à homologação na Anatel

Equipe de fiscalização da Fundação Procon-SP, vinculada à Secretaria da Justiça e Cidadania, esteve, em 19 de junho, na primeira loja da Xiaomi no Brasil. A ação ocorreu em razão de notícia veiculada no site Mundo Conectado, que apontavam supostas irregularidades.
 
Na loja, localizada no shopping Ibirapuera, foram constatadas: presença de produtos com informações unicamente em língua estrangeira; produtos sem manual de instruções em língua portuguesa; produtos sem informação de origem no Brasil (importador); produtos com informações de segurança unicamente em língua estrangeira.
 
O Código de Defesa do Consumidor, Lei Federal 8.078/90, determina que a oferta e apresentação de produtos ou serviços devem assegurar informações corretas, claras, precisas, ostensivas e em língua portuguesa sobre suas características, qualidades, quantidade, composição, preço, garantia, prazos de validade e origem, entre outros dados, bem como sobre os riscos que apresentam à saúde e segurança dos consumidores.
 
Ainda de acordo com a lei, qualquer produto deve conter manual de instrução em língua portuguesa, com linguagem de fácil leitura, e dispor de assistência técnica em caso de defeito; produtos importados devem ainda trazer na embalagem informações em português sobre suas características e o nome, CNPJ e endereço do importador.
 
O estabelecimento foi autuado e, após procedimento administrativo, poderá ser multado pelas infrações cometidas.
 
Fonte: Procon-SP
Lojas-conceito Brasil justiça procon xiaomi lojas físicas
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.