Menu
Editorias

Windows 10 vai ganhar suporte a linguagens Swift, da Apple, e Flutter, do Google

Programação (Free-Photos/Pixabay)
Compartilhe com seus seguidores

As ferramentas de programação Swift, da Apple, e Flutter, do Google, são utilizadas para o desenvolvimento de aplicativos para iOS, macOS, Linux, Android e, agora, Windows 10

A linguagem de programação Swift da Apple, e a versão alfa do Flutter desenvolvida pelo Google, agora estão disponíveis para usuários do Windows 10. Tanto o Flutter, quanto o Swift, são plataformas para criação de aplicativos de código aberto.


O Windows 10 vai suportar a versão 5.3 do Swift, afirmou Saleem Abdulrasool, engenheiro de software do Google Brain e um dos responsáveis para trazer a linguagem de programação para o sistema operacional.

Ele já havia explicado sobre os desafios de incorporar o Swift no Windows em uma palestra ano passado. Na época, ele afirmou que conseguiu trazer a linguagem da Apple para o Windows por uma compilação cruzada no Linux.

As três principais bibliotecas do Swift, Foundation, Libdispatch e XCTest também estarão disponíveis na cadeia de ferramentas, além da padrão.

?Essas bibliotecas são parte do que permite aos desenvolvedores escrever aplicativos poderosos com facilidade e sem ter que se preocupar com muitos dos detalhes do sistema subjacente,? escreve Abdulrasool. 

Saleem Abdulrasool é membro do Swift Core Team e foi o responsável por incorporar a ferramenta no Windows 10. Créditos: Swift/Reprodução

"Com essas bibliotecas centrais e a interoperabilidade flexível de Swift com C, é possível desenvolver aplicativos no Windows puramente em Swift, aproveitando o corpo existente de bibliotecas nas plataformas Windows", completa o engenheiro.

Incorporar o Swift no Windows foi só o primeiro passo. Para Abdulrasool este foi o "inicio de uma jornada" e, em breve, o Swift Package Manager também vai estar disponível para o sistema operacional para desenvolvedores com projetos ainda mais robustos.

Flutter

A equipe responsável pelo Flutter lançou, na quarta-feira (23), sua versão para alfa para Windows. O Flutter já suportava há algum tempo apenas a criação de aplicativos para Android e iOS. Com o passar dos anos, eles expandiram seu suporte para a criação de apps para web, no macOS e Linux.

Assim como nos outros sistemas operacionais, o mesmo código em Dart utilizado para o desenvolvimento de apps para Android e iOS será utilizado no Windows.

Por enquanto, os aplicativos do Windows desenvolvidos com o Flutter são baseados na plataforma de API Win32 clássica, fazendo com que os apps sejam compatíveis com a maioria dos computadores com sistema operacional Windows. No entanto, a equipe tem planos de fornecer suporte UWP para expandir ainda mais sua capacidade de suporte. ?Nosso investimento em UWP hoje nos permite estar lá para o futuro dos dispositivos Windows amanhã?, observa a equipe do Flutter.

Fonte: ZDNet

Microsoft Google Apple Windows 10
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.