Cachorro-robô age por conta própria

A Florida Atlantic University desenvolveu um robô cachorro autônomo. O Astro, como foi apelidado, é um robô de 45 kilos e foi montado para parecer com um dobermann. Recentemente vimos que a Sony lançou o seu cachorro robô Aibo. O robozinho da Sony pode até ser mais fofo, mas carrega a maior parte de seus componentes no corpo. O Astro é especial porque ele é o único com uma cabeça impressa em 3D que contém um cérebro computadorizado. O modelo autônomo responde a comandos de voz como de sentar, andar e parar. O Astro pensa a partir de uma inteligência artificial embarcada e aos poucos vai aprendendo os comandos de seus donos. A equipe de pesquisa por trás do cachorro quer ensiná-lo a responder a sinais de mão, a cores e a idiomas variados, além de reconhecer pessoas diferentes. Em um cenário real, o robô cão poderá servir para farejar resíduos explosivos, ser um cão de guarda ou de guia e até mesmo um assistente para socorristas. A ideia é que ele se torne tão inteligente que consiga tomar decisões autônomas rapidamente baseado em um banco de dados interno.

Robótica Sony Robôs
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.