Compartilhe com seus seguidores

Empresa japonesa cria sushi impresso em 3D específico para cada cliente

Não é exatamente o que você pensou. Os sushis oferecidos por esse restaurante super sofisticado de Tóquio não são feitos a partir de urina ou de outras, digamos, secreções humanas. A proposta do Sushi Singularity é criar pratos que possam ser produzidos para suprir as necessidades nutricionais individuais de cada indivíduo.

Funciona assim: ao fazer sua reserva para jantar no restaurante, você recebe um kit para recolher amostras corporais que, sim, incluem urina, saliva e outros subprodutos humanos. Você envia o material para a turma do restaurante, que faz uma análise de tudo. Quando você chega para o seu jantar, estarão aguardando por você sushis impressos por impressoras 3D nos formatos já tradicionais. Tem Atum, Ouriço do mar e outras iguarias. A diferença é que eles foram produzidos ? ou melhor desenhados, para se encaixar exatamente nas suas necessidades alimentares, indo muito além de uma simples refeição.

Nem precisa dizer que o interior do restaurante é mais que sofisticado. A começar pelos chamativos braços robóticos que servem os sushis. Depois, tem telas sensíveis ao toque espalhadas por todos os lados, e um clima de século 23.... O restaurante é criação de uma empresa chamada Open Meals, que se dedica a levar ciência para os alimentos.

Agora você deve estar se perguntado: e o preço? Esse, ainda não dá para saber. As portas do restaurante ainda não estão abertas. A previsão é que a empreitada só seja inaugurada no ano que vem ? até para aproveitar todo o barulho dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

impressão 3D
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.