Telescópio Hubble identifica colisão de galáxias

Luiza Tozzato, editado por Renato Santino

O Telescópio Espacial Hubble identificou uma interação entre duas galáxias. A atração gravitacional mútua está distorcendo suas formas e deve gerar uma colisão em breve. As galáxias, apelidadas de UGC 2369, estão tão próximas que um pequeno rastro de gás, poeira e estrelas pode ser visto conectando uma à outra.

A interação entre galáxias é um evento comum, segundo a Agência Espacial Europeia. A própria Via Láctea está em rota de colisão com uma galáxia vizinha gigante, a Andromeda. Segundo um estudo publicado no Astrophysical Journal, o fenômeno só deve acontecer daqui a 4,5 bilhões de anos e o choque deve ser lateral, e não frontal, como era esperado inicialmente. Com o tempo, as duas galáxias provavelmente vão gerar uma única, já batizada de Milkomeda.

Astronomia espaço Telescópio Galáxia
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.