YouTube retira anúncios focados em crianças

Luiza Tozzato, editado por Renato Santino

O acordo do Youtube com a Federal Trade Comission, uma agência reguladora norte-americana, sobre conteúdos voltados às crianças pode resultar em uma perda de milhões de dólares em anúncios. A decisão poderá reduzir a receita de anúncios da plataforma em até 10 por cento, representando perda de 50 milhões de dólares anuais.

A retirada dos anúncios direcionados seria uma tentativa do Youtube de apaziguar as acusações sobre falta de privacidade de crianças em sua plataforma. Ainda não está claro como o YouTube colocará essa ideia em prática, muito menos, como determinará quais dos milhões de vídeos em sua plataforma serão direcionados a menores de 13 anos de idade.

Youtube Propaganda crianças estados unidos youtube
Curtiu esse conteúdo? Assine nossas newsletters e fique por dentro do que acontece em primeira mão!
Compartilhe com seus seguidores
Assine nossa newsletter!
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.